Organizando a mala de viagem – Parte 2

Organizando a mala de viagem – Parte 2

Fonte: toolkit.bootsnall.com

Neste artigo vamos tirar suas dúvidas de como dobrar cada peça de roupa e aproveitar todos os cantinhos da mala e quais itens levar.

Com organização, conseguimos espaço para tudo!

– Para escolher o tipo de roupa a colocar na mala, é preciso saber o clima da cidade e considerar o motivo da viagem: se for para um local de praia, não se esqueça dos chinelos, toalha de praia, biquíni e calções de banho, óculos escuros, protetor solar e boné. Mesmo no verão, leve um agasalho levinho, pois à noite pode esfriar um pouco. Se for para o campo, também se deve levar um boné ou outro chapéu para se proteger do sol e repelente de insetos. Existem hoje várias marcas de repelente e protetor solar, que poupam espaço na mala. Se a viagem for de negócios, lembre-se de levar um terno e os papéis necessários para a reunião. No caso de fazer compras na cidade, leve dentro da mala uma bolsa grande dobrável para guardar os itens adquiridos, ou então, deixe bastante espaço livre na mala. Caso o roteiro turístico inclua festas noturnas ou eventos esportivos, escolha as roupas adequadas para cada ocasião.

– Na hora de selecionar as roupas, sempre ficamos com aquela sensação de que estamos esquecendo alguma peça importante. Mas com a regra “roupas que combinem entre si”, fica mais fácil. Escolha roupas de estilo básico e cores neutras para que as peças possam ser combinadas o máximo possível entre si. Crie looks diferentes ousando apenas nos tons e estampas dos acessórios como colares, lenços e cintos. Com as bolsas, o critério é o mesmo: nem pensar em levar uma bolsa para cada roupa. Escolha apenas uma pequena para a noite e outra maior e neutra para o dia.

– A quantidade que irá levar de cada peça vai depender do tempo de duração da sua viagem e da possibilidade de lavar as roupas. Se você for para uma cidade quente, leve uma blusa para cada dia se não tiver como lavá-las. Saias e shorts podem ser usados 2 ou até 3 vezes. Em uma viagem para cidades com clima ameno ou frio, é possível usar a mesma blusa 2 vezes antes de lavar e calças e saias, muito mais vezes.

– Para os sapatos, também leve em conta a duração da viagem e as atividades que irá fazer: 1 tênis ou sapato baixo confortável para andar o dia todo, 1 sapato ou sandália social de cor neutra para eventos noturnos e 1 sapato ou sandália de salto médio confortável para eventos mais sociais durante o dia. 1 chinelo para sair do banho e ir à praia ou piscina e, caso esteja frio, 1 bota ou sapato fechado. Não leve sapatos novos para não correr o risco de descobrir que eles machucam seus pés e você terá que passar o resto da viagem sem conseguir caminhar. Leve os sapatos dentro de saquinhos de pano ou de TNT para não sujar as roupas dentro da mala.

Organizando a mala de viagem – Parte 2

Fonte: http://blog.makingitclear.com

– Agora que já selecionou todas as roupas e acessórios, como guardar tudo sem amassar? A regra é simples: as peças mais pesadas embaixo, as mais leves em cima.

  1. Em primeiro lugar, as calças ou saias (as peças mais longas), estendendo-as no fundo sem dobrá-las muito. Procure formar camadas uniformes.
  2. Na segunda camada, coloque as camisas e os vestidos, com apenas 1 dobra cada peça.
  3. Por cima, o(s) casaco(s) ou paletó(s). Dobre-o(s) com as mangas cruzadas na frente e, depois, dobre ao meio. Se a mala for grande e não precisar dobrar ao meio, melhor ainda. Tente fazer o mínimo de dobras possível, isso irá diminuir o volume.
  4. Depois, coloque as bolsas e, por último, o pijama ou camisola. Assim você não precisa revirar a mala toda para achá-los quando chegar cansado ao seu destino.
  5. Preencha os espaços entre as roupas e a mala com cintos, sapatos dentro dos saquinhos, roupas íntimas (dobradas em pequenos rolos, por exemplo), nécessaire ou peças que não amassam. Lenços e outros acessórios podem ser guardados no bolso interior da mala. Se a sua tiver uma bolsa exterior, organize coisas úteis, como remédios, livros, canetas, óculos, etc.
  6. Coloque os itens de banheiro em uma nécessaire ou em sacos plásticos bem fechados para não vazar. Se você usa lentes de contato, não se esqueça de levar o líquido desinfetante, o estojo e um par de lentes extras caso perca a sua durante a viagem.

– Para aproveitar o máximo de espaço possível dentro da mala, coloque peças pequenas dentro das maiores. Por exemplo, as meias dentro dos sapatos ou calcinhas dentro do bojo do sutiã.

– Lembre-se de levar sacos de TNT para colocar as roupas sujas e úmidas. Eles são melhores do que os de plástico porque são arejados e a roupa pode “respirar”.

– Como última lembrança, verifique se leva o telefone celular e – principalmente – o carregador!

Tente seguir a dica de que deverá levar apenas a bagagem que possa carregar sozinho. Afinal, a sua viagem tem que ser relaxante e proveitosa e não um peso! Boa viagem!

Organizando a mala de viagem – Parte 2Autora: Daniella Marcolini – Colunista do Espaço Mulher

Contacto via e-mail

1