Como ter uma alimentação saudável

A base de uma alimentação saudável assenta na ingestão equilibrada e regrada de alimentos nas proporções diárias recomendadas. Numa alimentação saudável, excessos devem ser evitados, e o consumo regular de alimentos ricos em fibras e vitaminas e baixos em gorduras saturadas deve fazer parte da dieta diária a seguir.

Uma alimentação desequilibrada está na causa de muitas das doenças fatais mais comuns nos dias de hoje, como é o caso de problemas cardiovasculares e diversos tipos de cancro. Resultantes de uma ingestão alimentar desregrada, muitos destes problemas poderiam ser evitados com o desenvolvimento de um pouco mais de cuidado em relação àquilo que enviamos para dentro do nosso organismo.

Dietas restritivas, que se baseiam apenas num par de grupos alimentares, e ignoram os restantes existentes, devem seriamente ser evitadas, já que a médio prazo apresentam fortes probabilidades de exercer uma influência negativa na sua saúde. Consumo excessivo de gorduras saturadas, açúcares e produtos industriais representam também outro dos hábitos alimentares que, apesar de seguidos por uma boa percentagem da população, deviam ser evitados a todo o custo.

Como ter uma alimentação saudável

Para muitas pessoas o conceito de alimentação saudável parece representar um bicho de sete cabeças, criando confusão a respeito de questões que nem sequer deveriam existir, uma vez que são facilmente explicáveis.

Uma introdução à roda dos alimentos pode ser considerada um excelente primeiro passo no longo processo de reeducação alimentar. A mesma consiste numa representação gráfica extremamente elucidativa sobre todo o conceito de alimentação equilibrada, sendo que os diversos grupos alimentares estão proporcionalmente divididos pelos diversos triângulos, que em função do tamanho determinam as proporções nas quais que devem ser ingeridos.

O grupo alimentar que maior presença deve marcar nas refeições diárias é o dos Cereais, sendo aconselhável a introdução de uma porção significativa dos mesmos em qualquer refeição, assim como entre as mesmas. Mas não se esqueça de ter sempre umpequeno-almoço saudável, já que é a refeição mais importante do dia.

De seguida vêm as hortícolas, que assim como os cereais, devem fazer parte da composição final de qualquer prato. Cenouras, couves, espinafres, brócolos, entre muitos outros, são sempre bem vindos em qualquer refeição e nunca devem ser esquecidos.

O terceiro grupo alimentar de maior importância consiste nas frutas. Recomenda-se que um adulto saudável e de peso normal ingira entre 3 a 5 peças de fruta por dia. Se possível, as mesmas devem ser o mais diversificadas possível.

Os Lacticínios ocupam o quarto lugar na lista de grupos alimentares mais importantes. Recomenda-se o consumo de cerca de 3 a 4 porções, que podem divididas entre leite, queijo ou iogurtes.

As carnes e pescados, apesar de exageradamente consumidos porpos alimentares c muita gente, representam um dos gruuja sua ingestão deve reduzida ao mínimo. Recomenda-se não mais do que 3 a 4 porções diárias, variando consoante o peso, idade e estado de saúde da pessoa. Infelizmente, uma boa percentagem das pessoas sobrepõe o consumo de carnes ao consumo de frutas e vegetais, e é por isso que determinados problemas de saúde são tão comuns.

As leguminosas também devem constar da composição dos seus pratos. Apesar de recomendadas em porções muito pequenas, só faz bem em introduzir um pouco de grão ou feijão nas suas receitas.

Por último vêm as gorduras e os óleos, que devem ser reduzidas ao mínimo, devendo apenas ser utilizadas em pequenas porções na confecção de certos alimentos.

Como pode ver, não existe nada de muito complicado na adopção de uma alimentação equilibrada na sua dieta diária. Evite excessos, gorduras, fritos e açucares, e reparta as refeições por porções reduzias, entre 5 a 6 vezes ao dia, em vez de preferir porções grandes a 3 vezes ao dia. Seguindo estas simples dicas, certamente que começará a experienciar uma melhor qualidade de vida, e estará também a salvaguardar a sua saúde no futuro.

1

Compartilhar Artigo ;)

Como ter uma alimentação saudável