A bolsa e a mulher

Uma relação que já dura mais de 100 anos, a bolsa e a mulher agora com mais opções proporcionada pela tecnologia.

Uma bolsa pode revelar muita coisa sobre quem a possui, por exemplo. O interior de uma bolsa feminina pode ser considerado muito pessoal e intimo, mais o exterior pode revelar muito da personalidade, estilo e elegância de sua dona. Na cidade de Nova Guiné, as mulheres costumavam carregar grandes bolsas chamadas bilum. Normalmente eram decoradas com penas, conchas e outros detalhes, e como essas pessoas não viviam próximas aos oceanos, quanto mais conchas adquiriam mais seu status aumentava, isso significava que tinham relações com pessoas próximas ao mar e bom relacionamento pessoal.

A bolsa e a mulher

As bolsas para as mulheres são consideradas símbolos de status, nos dias atuais quem possui uma bolsa de grife com símbolos e logos estampados de luxo como, por exemplo, pele de animais, é bem visto. Recentemente, uma bolsa Hermes, de pele de crocodilo com incrustações de diamante foi vendida a U$80.000 nos Estados Unidos para uma grande empresaria que afirmou ter comprado a bolsa para ficar mais elegante. Li em um artigo que uma mulher sem uma bolsa sente-se tão sozinha quanto se estivesse perdida em um deserto, mais esse não foi o caso dessa empresaria, pois para uma mulher estar elegante e refinada não precisa dispor deste montante.

Continuar a Ler...

Compartilhar Artigo ;)

A bolsa e a mulher